Olivia Bonfim é a primeira brasileira a fazer o Double Head

A montanhista Olivia Bonfim tornou-se, nesta quarta-feira (22), a primeira mulher brasileira a completar o grandioso desafio Double Head, que consiste em escalar, em sequência, o Monte Everest (8.849m) e o Lhotse (8.516m), no Nepal.

Olivia chegou no topo do Lhotse às 10:05 da manhã no horário nepalês junto ao seu marido Carlos Santalena, experiente guia de montanha, que também conseguiu o feito e tornou-se o segundo homem brasileiro a fazer o desafio. Eles haviam chegado no topo do Everest na terça-feira (21), pela manhã.

O casal fez a expedição com a Garde6, agência de Santalena em que ele também atua como guia.

“É com imenso orgulho e alegria que anunciamos que às 10:05 do horário nepalês, no dia 22 de maio de 2024, Carlos Eduardo Santalena e Olivia Bonfim alcançaram o cume do Lhotse, concluindo um extraordinário desafio que envolve escalar as duas montanhas acima de 8 mil metros em sequência, acompanhados pelo guia Pemba Sherpa”, compartilhou a Grade6 em seu Instagram.

“Parabéns, Carlos e Olivia, vocês são fonte de inspiração para todos nós, mostrando que com determinação, perseverança e força de vontade, superam todos os desafios”, completou a agência.

 

Esta foi a primeira vez de Olivia no Everest, sendo a 39ª brasileira a conseguir o feito. O casal deixou o Campo Base há uma semana, rumo ao cume da montanha mais alta do mundo. “Há muitos meses essa expedição é planejada e há alguns anos o Everest é um sonho”, disse Olivia ao iniciar a jornada.

Já Santalena já tinha o topo do mundo no currículo em outras três ocasiões. Com a conquista dessa semana, ele tornou-se o primeiro brasileiro a chegar no cume do Everest quatro vezes. Ele também é o sul-americano mais jovem a escalar as sete montanhas mais altas do planeta.

Brasileiros com Double Head

No ano passado, o brasileiro Roberto Terzini fez história ao se tornar o primeiro montanhista do País a completar o Double Head. O paulista de 34 anos escalava sem nenhum tipo de patrocínio e conseguiu chegar ao topo da primeira e da quarta montanha mais alta do mundo na mesma tacada, ou seja, em um mesmo ciclo de cume.

Encontre sua próxima expedição

Ásia

Cho Oyu

USD 43.000 por pessoa

Ásia

Cho Oyu

USD 43.000 por pessoa

Ásia

Khan Tengri

U$ 8.750 por pessoa

Ásia

Khan Tengri

U$ 8.750 por pessoa

Equador

Vulcões do Equador com Cayambe

U$ 2.980 por pessoa

Equador

Vulcões do Equador com Cayambe

U$ 2.980 por pessoa

Nepal

Double Head

Sob Consulta

Nepal

Double Head

Sob Consulta

Argentina

Patagônia

U$ 2.990 por pessoa

Argentina

Patagônia

U$ 2.990 por pessoa

Siga nosso instagram

[instagram-feed feed=1]